Franquia de crédito ou intermediação financeira

Venha já ser um correspondente bancário CredShopping!

Segundo historiadores e os que buscam conhecimento ou razão em especial em Aurélio Buarque de Holanda.Tem desse,relatos e definições sobre o que é Franquia: Franquia, franchising ou franchise, segundo o pai dos que não sabem, é uma estratégia utilizada em administração que tem como propósito, um sistema de vendas de licença na qual o franqueador, detentore proprietário da marca cede, ao franqueado, ao adquirente, ao autorizado a explorar a marca, o direito de uso da sua empresa, marca ou patente e/ou infraestrutura, know-how. Sede o direito de distribuição que pode ser exclusiva ou semi-exclusiva dos produtos ou serviços, originários da marca, da franquia ou franchising.

O franqueado, o que compra a franquia, por sua vez, investe e trabalha na franquia e paga parte do faturamento ao franqueador sob a forma de royalties. Eventualmente, o franqueador também cede ao franqueado o direito de uso de tecnologia de implantação e administração do negócio ou sistemas desenvolvidos ou detidos pelo franqueador, mediante remuneração direta ou indireta, sem ficar caracterizado vínculo empregatício.

O Franqueador, mesmo vendendo conserva domínio sobre a franquia. Pois sabe o que é melhor para a preservação de sua marca e dá norte sobre a franquia vendida. Normalmente cria um roteiro, compêndio ou normativo indicando a padronização de comportamento, espaço, forma de atendimentos etc. Costuma até emitir circulares periódicas e normalmente visita auditando o bem cedido.

Quem vende uma franquia obrigatoriamente apresenta previamente ao comprador as condições gerais do negócio e suas implicações jurídicas.

Embora possibilite retorno mais rápido, a compra de uma franquia geralmente exige um investimento alto, pois é preciso prever custos com o PONTO ou local de instalação, adaptação no cômodo visando na aparência torná-lo similar ao da “matriz”, aquisição de equipamentos, contratação e treinamento do pessoal.

As técnicas de instrumentos utilizados nas melhores redes de franquias vêm sendo praticadas para otimizar o desempenho e fazer rodar o negócio, com Marketing especializado, que pode ser administrado pelo franqueado ou franqueador, normalmente pelo franqueador que já inclui quando da cobrança dos royalties.

Destacam-se no mundo das franquias praticamente três tipos de franchising: Franchising de distribuição. Na Franchising de distribuição o franqueado comercializa um produto fabricado pelo franqueador, sob a marca do qual é titular o último. O franqueando utiliza a logística e nome do produto e apenas o distribui. Ex: Quem distribui a Coca-Cola, adquire a concessão/franquia, repetimos adquire o direito de distribuição e o faz dentro do modal da concessão/franquia. Outro clássico exemplo é o da Credshopping Intermediações Financeiras, ela adquire por contrato, o direito junto às instituições financeiras de intermediar as operações.

Franquia de crédito ou intermediação financeiraFranchising de serviços

O franqueado presta um serviço, através de uma marca ou nome comercial licenciados pelo franqueador, com base nas diretrizes estipuladas pelo último. Vejam no mesmo Ex.: da Coca-Cola, ela não fabrica, ela contrata os serviços de um fabricante, de um fraqueado. Caso em que também lembramos a Credshopping Intermediações Financeiras, ela não é banco nem financeira ela faz a intermediação para as instituições financeiras.

Franchising de indústria

O franqueado fabrica, ele próprio, o produto a comercializar, sob uma marca ou nome comercial, segundo as indicações do franqueador.

Notórias Vantagens na aquisição de uma franquia. Possibilidade de abrir o negócio, no caso a franquia sem necessidade de experiência empresarial no setor; Redução do risco econômico envolvido, pois a franquia já foi experimentada com sucesso além do benefício e aproveitamento de marca já consolidada no mercado.

Ferramentas de gestão existente permitindo informação sobre volume de vendas, número de clientes, percentagem de lucros, percepção das preferências, hábitos de consumo, gestão de rotação dos estoques e das necessidades de reposição; Aproveitamento dos canais de distribuição e logística existentes, permitindo a adoção de preços competitivos e com ganhos de escala nas encomendas. Os estudos de mercado são compartilhados na rede existente; Apoio técnico, administrativo e de gestão, inclusive na seleção do espaço, de acordo com critérios de área, localização e acessibilidades.

Benefícios para o franqueador

O franqueador ao vender uma franquia está expandindo seu negócio, sem envolver capital; Concentra-se na produção e desenvolvimento de novos produtos e serviços; A imagem da marca sai cada vez mais reforçada, pois é associada ao know-how, à força do trabalho e aos relacionamentos locais do franqueado; Existe uma descentralização da estrutura, gerando benefícios em termos de custos fixos do que com unidades próprias; Possibilita ganhos acrescidos em economias de escala.

O sistema possibilita expansão de mercado de forma rápida, pois a abertura de novos espaços é célere; Viabiliza ações de promoção e de marketing de forma conjunta e coordenada. Só para informar, segundo consta foi YázigiInternexus em 1950 a primeira empresa a criar o sistema se franchising no Brasil.

 

Adquire agora sua franquia CredShopping

Quero a minha franquia CredShopping

Compartilhe:

⚠ IMPORTANTE: Prestamos serviço GRATUITO. NUNCA faça depósitos para conseguir seu empréstimo. Dúvidas? Acesse nossa Central de Ajuda. X